Notícias

Partido de Paulo Pinheiro desiste de pedir cassação de Auricchio

A ação movida em dezembro do ano passado contra o chefe do Executivo José Auricchio Júnior chegou ao fim na última semana. Paulo Pinheiro, ex-prefeito de São Caetano, desistiu de pedir a cassação do diploma do atual prefeito por suposta arrecadação ilegal à campanha eleitoral.

Auricchio era investigado por possível abuso do poder econômico, praticado antes das eleições. O processo ainda citava o churrasco distribuído no evento de candidatura de Auricchio.

A rixa entre os dois candidatos começou em 2011, quando Auricchio estava a frente da Prefeitura. De lá pra cá a rivalidade entre os dois se intensificou, principalmente em 2015 quando Pinheiro liderou um movimento na Câmara para rejeição das contas de Auricchio, que poderia ficar inelegível pela Lei da Ficha Limpa.

O caso de pedido de cassação de Auricchio ficará a cargo do Ministério Público Eleitoral, que pode solicitar a titularidade do processo para prosseguir com a ação, mesmo com a desistência do partido contrário.


Comente!